Masthead header

Balanço é unanimidade! Toda criança (incluindo eu) gosta! Não é verdade?

Pois hoje eu vou mostrar como fazer um balanço simples para a sua casa. Vocês vão ver que não tem mistério nenhum, é baratinho e vai garantir horas, dias, anos… de diversão!

como fazer um balanço

Esses foram feitos um tempinho atrás lá pra minha comadre, que tem a árvore mais linda da cidade e que gritava: “Helloow, como é que eu não tenho um balanço pendurado aqui nos meus galhos ainda?”… Eu juro que eu ouvia!

Pois agora esse é problema resolvido! Ela fica toda verdinha de alegria ouvindo o ti-ti-ti e as gargalhadas da meninada que brinca por ali…

Pra começo de conversa, escolha uma madeira dura. Angelim talvez seja a mais fácil de encontrar. Na madeireira, peça para eles cortarem já no tamanho que você precisa. Depois é só dar uma lixadinha para tirar as farpas.

Aqui em casa eu encontrei essa canela clara, que quase foi descartada porque estava super detonada! Tinha resto de cimento, cola etc. Mas como boba eu não sou, dei uma cortadinha na ponta e descobri aquele cheirinho delicioso de madeira boa! Aí nas fotos vocês podem ver como era cada lado dela antes e depois de uma boa lixada! Perfeita para o balanço! Um balanço de demolição! Isso é pra mostrar pra vocês que qualquer resto de madeira pode ser aproveitado de alguma forma. Evitem descartar! A natureza agradece.. 😉

como fazer um balanço

Eu cortei no tamanho de 40 x 28cm. Pode ser um pouquinho menor, se você preferir. Use 2 réguas (eu usei angelim) para fazer um reforço embaixo. Primeiro faça um furo usando uma broca bem fininha (mais fina que o parafuso) e depois parafuse cada um em seu lugar. Uma dica ótima é passar um pouco de cera de vela na rosca do parafuso, para que ele escorregue melhor na madeira! (#dicadeouro)

como fazer um balançocomo fazer um balanço

como fazer um balanço

Depois faça os furos para passar a corda, usando uma broca 9 ou 10. Só agora me dei conta de que faltou foto desse passo… Sorry. Mas gente, é só um furinho a mais ou menos 4cm de cada extremidade, como na foto abaixo.

balanço

Mas espera um tiquinho… antes de passar a corda no furo, bora pendurar esse balanço? Pede a escada do vizinho e se empuleira aí! Perde essa chance, não! Se adulto precisa de desculpa pra subir em árvore, taí a sua…

balanço diy

O negócio é o seguinte: pra corda não ficar desgastando na árvore, amarre um pedaço de corda com 2 voltas no galho, passando cada volta por dentro de uma argola de metal. Em cada argola, prenda um mosquetão. Nele, passe a corda que segurará o balanço. Arremate com um nó unindo as 2 cordas bem perto do mosquetão pra corda não ficar girando em falso e outro nó a mais ou menos 20cm do balanço, pras cordas de cada lado ficarem unidas e facilitar a vida das crianças na hora de se segurar. Só então passe a corda nos furos do assento e arremate com um nó bem firme.

balanço diy

Nessa próxima foto ainda falta o nó de baixo. Estão vendo?

balanço diyPode fazer uma graça? Cortamos algumas tiras de chita e enrolamos como se fosse uma trança na corda. Frescurite. Não precisa, mas ficou bonitinho, vai…

balanço diy

balanço diy

Pronto, gente, chega de conversê e libera aí o balanço pra criançada se divertir!!!

balanço diy

 

Sabem o que eu aprendi com o Caetano um dia desses? Que Portinari dizia: “Sabem por que é que eu pinto tanto menino em gangorra e balanço? Para botá-los no ar, feito anjos.”

Não é linda a alma colorida desse artista?

Ah, sim, para quem quiser fazer um modelinho em tecido que é ótimo para crianças menores, pode seguir esse outro passo a passo, que eu já mostrei aqui.

PINE ISTO! COMPARTILHE NO FACEBOOK INSCREVA-SE (RSS) 77,69,32,77,65,78,68,69,32,85,77,32,69,45,77,65,73,76LIAM-E MU EDNAM EM
  • Xanda - 23/09/2016 - 10:12

    Qual a metragem de corda que você usou?ReplyCancel

  • Xanda - 23/09/2016 - 10:11

    Amei a ideia. Acho que vão ser os presentes de dia das crianças dos meninos lá de casa. Muito grata!!!ReplyCancel

Glicínia

Minha avó virou poetisa lá pelos seus 70 anos. Ela escreveu (e declamou) sobre sofrimentos, sobre alegrias, sobre vida que nasce e renasce, sobre esperança de um mundo melhor…  Poesia simples e verdadeira. Ela adotou o pseudônimo de Glicínia para suas publicações nas coletâneas de poetas da terceira idade.

Alguns anos atrás, meu pai trouxe uma Glicínia pra casa e a plantou no jardim. Essa planta, assim como a minha querida vó, também tem seus ciclos. Passa meses magrinha, sequinha, recolhendo sua energia nas raízes… E de repente volta a florir assim, cheirosa e exuberante, distribuindo energia pra quem a vê.

Talvez chamar minha vó de exuberante não seja muito justo…Ela era uma senhorinha simpática, brincalhona, gentil e vaidosa. Exuberante não. Mas sempre tinha um batonzinho na boca, Leite de Rosas no cangote (afe, Maria, daqueles que grudavam o cheiro no nosso nariz… Rs) e a chave de casa guardada no sutiã!

Vó, morro de saudades do teu doce de abóbora! E, sim, eu também tenho esperança de um mundo melhor!…

………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………….

Ô, minha gente, deixa eu aproveitar essa pontinha pra contar pra vocês que a Revista OcaPop está completando 1 aninho de vida (Vivaaaa!) e hoje foi ao ar a sua 5a edição! O Lá de Casa ia ficar de fora dessa? Claro que nãããão!

Então corre lá pra ver um passo a passo demais de lindo (desculpa, tá, eu acho…;)) e as outras tantas matérias incríveis que recheiam essa edição de aniversário!

É só clicar aqui!

ocapop

PINE ISTO! COMPARTILHE NO FACEBOOK INSCREVA-SE (RSS) 77,69,32,77,65,78,68,69,32,85,77,32,69,45,77,65,73,76LIAM-E MU EDNAM EM

Os meses de agosto e setembro aqui em casa são de imersão no universo dos aniversários infantis. Tô meio focada, gente. Me desculpem… hehehe.

Decidi compartilhar a receita desse salgadinho que a gente fez nos últimos aniversários e que todo mundo adora! Os cigarretes! Não, não é do universo dos alimentos amigos da saúde, mas ainda assim, é melhor que as repetitivas friturinhas, é assado e você pode fazer em casa facilmente! Ah, sim, a receita é da minha vó. E receita de vó é sempre supimpa, né?…

cigarretes

Ingredientes:

400g de salsicha de frango

500g de farinha de trigo

200g de manteiga

200ml de leite

1 colher (sobremesa) de fermento Royal

Sal a gosto

150g de queijo parmesão ralado

3 claras

 

Modo de fazer (vá acompanhando as fotinhos ali embaixo que vai ficar facinho de entender! Elas não estão bonitas, mas cumprem seu papel didático…):

Corte as salsichas ao meio e cada parte dessas em 4 tirinhas. Reserve.

Junte a farinha, a manteiga, o leite, o sal e o fermento. Amasse com as mãos até incorporar bem todos os ingredientes. Use um rolo para abrir a massa em uma bancada enfarinhada, até que ela fique com aproximadamente 3mm de espessura. Aproximadamente, gente! hehehe…

Corte essa massa em retângulos compridos da largura de uma tirinha de salsicha. Vá enrolando a salsichinha na massa até completar a volta e mais um pouquinho. Corte. Use um pouquinho da clara para colar e fechar o rolinho.

Passe o rolinho na clara e, depois, no queijo ralado. Os meninos ajudaram bem nesse processo. Crianças crescendo… ADORO!

Coloque em uma assadeira de teflon ou untada com manteiga.

Asse no forno a 180°C até que fiquem douradinhos.

Cigarretes

Você pode comer assim que sair do forno ou congelá-los quando esfriarem. No dia da festa é só retirar do freezer umas horinhas antes e aquecer novamente no forno.

Os convidados daqui elogiaram taaanto que tenho certeza de que vai ser sucesso na festa de vocês também!

E simbora que hoje ainda temos morceguinhos para cortar! Afe, Maria!

PINE ISTO! COMPARTILHE NO FACEBOOK INSCREVA-SE (RSS) 77,69,32,77,65,78,68,69,32,85,77,32,69,45,77,65,73,76LIAM-E MU EDNAM EM
  • Cabeça de Frade - 12/09/2016 - 23:30

    hei Fran, como ADORO salgadinhos de forno! obrigada pelo compartilhamento da receita da vó! beijo!!ReplyCancel