Abajur com cara de só seu

Ai, ai… finalmente, minha gente! Acho que o quarto do Rafinha já está praticamente nos eixos! Nas próximas semanas eu vou dar aquele rolé (ou room tour, pra blogueiras chiques) e mostrar todos os detalhes que estão colorindo o espaço do filhote! Mas como eu sou dessas que gosta de fazer com as próprias mãos e gosta de deixar um punhadinho de gente com vontade de fazer também, enquanto eu ajeito as fotos do rolé, vou mostrando os pequenos detalhes manufaturados que estão por lá, ok?

E no post de hoje, vocês vão ver como eu transformei um abajur decadente nessa lindezinha carimbada!

E acredite: até mesmo o abajur do quarto pode ter a sua cara!

Abajur customizado

Sim! A louca dos carimbos está a solta de novo! Segura aí!!!

Vejam com os seus próprios olhos se esse abajur aqui embaixo não estava merecendo ser resgatado do reino do sai-pra-lá!? Ai, gente, me custa falar, mas eu já fui uma pessoa que combinava cúpula do abajur com cortina da janela. Afe, Maria… livrai-nos do mal, Amém! E fui eu mesma que encapei essa cúpula, 7 anos atrás. Desde que viemos aqui pra casa, esse abajur ficou meio que de escanteio, até eu precisar de novo dos seus serviços!
Abajur customizado

Pois bem, o primeiro passo foi comprar uma cúpula nova, já que, por baixo do tecido, essa já estava algo amarelada.

Abajur customizado

Escolhido o tema, eu comprei 2 borrachas brancas de apagar para usar como carimbos.

Fiz desenho de várias flechas, até achar um triozinho que me deixasse satisfeita e que pudesse ficar bacana na impressão do carimbo. Desenhei no papel e, para transferir para a borracha, usei um carbono. Depois usei o estilete de precisão para cortar o excesso da borracha para fora do desenho. Parece difícil, mas o estilete corta com bastante facilidade essa borracha. Um tiquinho de paciência e saiu tudo certinho!

abajur feito com carimbos

Aí então foi só espalhar na borracha a tinta para tecido usando uma esponjinha e sair carimbando.

abajur feito com carimbos

Para ficar mais fácil de manter a mesma distância entre as linhas das flechas eu usei essa fita durex para ajudar a guiar. Mas não precisa exagerar na milimetria… Como diria a minha sogra, “não é bunda de santo!”.

Se você achar um saco ter que ficar mirando o carimbo, outra opção bem legal é fazer as flechas aleatoriamente, sem que estejam alinhadas. Uma pra um lado, outra pra outro… pra cima, pra baixo, na diagonal… Assim não tem erro mesmo!

Bom, sem mais segredos, fui só carimbando até o final!

Ó, como aqui a vida é real, na alegria e na tristeza… vou confessar que a coisa não me deixou assim, de queixo caído na lindeza do resultado num primeiro momento… Gostei, mas acho que eu tinha imaginado maaaais legal! Talvez eu fosse curtir mais a textura que o carimbo feito com EVA deixa no tecido, mas aí eu não ia conseguir fazer um desenho tão detalhadinho, então… é o que temos para hoje! E acho que agora já estou me acostumando…

Aí vão as fotinhos do resultado, pra vocês tirarem as próprias conclusões!

abajur feito com carimbos

como customizar um abajur usando carimbos

Neste carnaval, acho que vamos dar uma sumidinha. Eu vou pular, sim, mas é de pedra em pedra! 😉 Vamos para o meio do mato curtir um pouco de sossego…

Então, para quem vai cair na folia, para quem vai cair no sofá ou para quem vai cair na estrada… um bom feriado!!! E até a volta!

Você também poderá gostar de:

Add a comment...

Your email is never published or shared. Required fields are marked *

POSTS RECENTES

FAVORITOS DE TODOS OS TEMPOS